Esse recado veio para mim e para o senhor também

  Propus a mim mesma compor uma carta e direcioná-la ao tempo.

Características:

1. O conteúdo deve ser atemporal, pois mesmo tendo uma ideia de que o tempo segue uma regra, sei que, na verdade, ele é completamente inconstante. Sempre escalando um morro incerto de vidas, causando algumas quedas que variam quanto ao nível de gravidade.
2. Devo ter cautela em relação ao meu grau de intimidade com esse cara. Porque, sendo inconstante como é, um termo em falso pode soar um tanto quanto inoportuno.

Motivo pelo qual escrevo:
  
  Ah, ele tem que diminuir esse ritmo. Ontem eu estava vendo o George fazer caras e bocas frente à câmera e hoje eu presencio o Eric cantar ‘While My Guitar Gently Weeps’ no ‘Concert For George’. Quero tê-lo mais perto, aproveitar mais desse tempo danado. Sendo um velho amigo como é acho que ele pode atender ao meu pedido, que é tão simples. Aliás, ele deve atender. Vejam só: o cara é tido como o remédio que cura TODA e QUALQUER ferida. Na ‘oração ao tempo’ referem-se a ele como um dos deuses mais lindos e o nomeiam como compositor de destinos.
  Dito isto, peço que o meu destino seja composto com mais calma e perspicácia.
  Escreverei. Ainda farei mais, esta carta será enviada a dois destinatários: ao tempo e ao meu interior. É isso. Dividirei o peso desse pedido e questionarei à Maria Catharina com a seguinte pergunta: você tem notado o que te cerca? Quando eu respondê-la e ajustar o que tiver de ajustar, talvez o tempinho querido me dê os infinitos ouvidos que tem. 



Comentários

  1. Gostei do seu blog e do seu texto. O tempo é muito inconstante, acho que ele é irmão ou um primo distante do medo. Pelo menos é assim que me sinto em relação à ele. Ah, e o George também é meu beatle favorito!

    http://complicatedimperfect.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Curti muito que tenhas exposto teu ponto de vista aqui. Ah, acredito que eles serem irmãos cabe mais no contexto, haha. Aparece qualquer dia desses, quem sabe a gente troque umas ideias. Beijo!

      Excluir

Postar um comentário

Fala aí...

Postagens mais visitadas